Todos os posts por Edio Albert

O desgaste do empreendedor

O vendedor e o empreendedor são atletas de alta performance e como toda profissão de alta performance, constantemente precisa estar superando limites e exigindo o melhor da sua mente e […]

A decisão de voar

Aos 16 anos de idade, já não contava mais com meu pai e minha mãe. Eles partiram muito cedo. Fui muito bem acolhido pelos meus tios em sua casa em […]

Minha meta está distante

É possível que você, em algum momento da sua vida, tenha olhado para suas metas com binóculos, e quando viu a distância das mesmas, teve a sensação de que não […]

Resultados exponenciados

Gratidão + Habilidades = Resultados exponenciados Falar em gratidão ou ouvir falar sobre gratidão, pode, as vezes soar piegas, principalmente quando não temos este sentimento latente em nós. A gratidão […]

Cuide da sua mente

O empreendedorismo está presente nas vendas, quando um vendedor investe numa roupa nova para melhor apresentar-se ao seu cliente, abastece seu carro para visitá-lo sem importar-se com a distância a […]

Intensidade

Existe algo que não combina com área comercial, uma coisa conhecida por todos como apatia. Ser apático é o contrário de ser intenso e a intensidade tem tudo a ver […]

Você costuma assumir suas metas?

Todos precisamos de metas, prestar contas, dar satisfação, assumir compromissos. Isso nos pressiona a nos superarmos. Somos obrigados a inovar, vencer os nossos limites pessoais, assumir compromissos e cumpri-los. É […]

Qual é o seu nível de entrega em relação ao seu sonho?

Muitos querem vender mais, buscam alcançar metas ousadas, dizem almejar chegar mais longe, mas nem todos que aspiram grandes feitos de fato pagam o preço necessário para conquistá-los. Você pode […]

As suas conquistas merecidas podem matar o seu potencial

Ao longo de mais de duas décadas me dedicando a me desenvolver na minha carreira em vendas e desenvolvendo talentos comerciais, o que posso dizer, com muita segurança, é que […]

Invista em alianças

Eu ainda era adolescente quando o meu falecido tio João, que tinha uma madeireira numa pequena cidade no sul, me contou que havia negado um pedido em que teria 100% […]