O luto é o preço do amor

(Para melhor aproveitamento, assista ao vídeo abaixo, de quatro minutos, antes de continuar
lendo o texto).

A profunda reflexão dessa médica nos traz um ensinamento muito importante em vida sobre a morte.

A única certeza que temos é a de que não vamos sair dessa vida vivos. Não faz sentido brigarmos ou sempre fazermos questão de ter razão quando nos deparamos com a morte. A consciência da morte nos traz um certo empoderamento que nos encoraja a fazer o que, de fato, deve ser feito.

Perdoar, pedir perdão, agradecer, ser mais tolerante com os que têm opiniões diferentes, se importar verdadeiramente com as pessoas à nossa volta e expressar todo o amor que temos se
torna uma urgência sob essa perspectiva. E os nossos problemas não parecem assim tão grandes.

Quanto mais amamos, mais chances temos de curar a dor de perdermos alguém. E, expressar esse amor plenamente, enquanto temos a oportunidade, evita arrependimento e auxilia no processo de cura.

Você e eu não sabemos quanto tempo temos a mais aqui nessa terra, então, esse é o momento de agir. Não deixe para depois!

Comentários

comentários