Voltemos ao dicionário

Num momento de tantas relativizações, é muito importante alinharmos nossos dicionários.

1. CORRUPÇÃO – Ato ou efeito de corromper ou de se corromper, seja por desvio direto ou indireto de recurso públicos, tráfico de influência ou qualquer outro meio.

Quem comete corrupção no Brasil? Vemos praticamente todos os partidos envolvidos. Pelo que tudo indica, raros são os políticos que não se envolvem com alguma forma de corrupção.

Solução? Imediata: investigar e prender todos. A Lava-Jato tem esse propósito e todos esperamos que, além dos atores dominantes do governo, outros coadjuvantes da oposição também sejam punidos. Longo prazo: mudar a lei para fechar as muitas brechas da legislação que tornam a corrupção um crime de baixo risco. Além disso, mudar o sistema político.

2. DEMOCRACIA – Governo em que o povo exerce a soberania, direta ou indiretamente. É o que vemos neste governo? Não. É o que já vimos em outro governo? Não.

A manipulação do jogo político e o jogo de interesses próprios que se sobrepõem ao bem comum do país é o que tem dado as cartas e toda a população, mesmo sem a devida compreensão desses fatos, já está farta de tudo isso.
Defender a democracia é defender a lei. Sem lei, não há democracia. Sem lei não há paz.

O que espero?

A Lava-Jato está em curso há dois anos e já recuperou mais de R$ 2,9 bilhões desviados da Petrobras, ou seja, não é uma criação jurídica, mas, sim, uma investigação de um esquema real de corrupção envolvendo partidos políticos e empresários ligados a eles. Eu espero que ela se prolongue por 10 anos e acabe com toda estrutura criminosa nos governos e, se for o caso, extinga todos os partidos políticos existentes, bem como torne inelegível grande parte dos políticos em atividade, que seriam substituídos por novos e dentro de um novo modelo político que favorecesse as decisões em prol dos interesses da sociedade.

Conclusão

Levantar a bandeira de ser contra a corrupção e apenas tratar como se a mesma fosse exclusividade do PT é uma hipocrisia. Usar a corrupção dos outros partidos para desviar o foco da corrupção do PT é cinismo. Todos devem ser punidos, a começar pelo PT, porque é governo, mas também fazendo uma investigação profunda em todos os partidos, sem exceção.

Levantar a bandeira da democracia, manipulando massas através do medo de perder Bolsa Família e programas sociais é uma ironia, uma piada sem graça. Falar de democracia batendo em qualquer pessoa que esteja de vermelho andando pelas ruas é patético. Essa disputa polarizada, se continuar, levará o país ao ódio e à morte de brasileiros. É claro que esse discurso de divisão foi plantado pelo PT nas últimas eleições, alimentado pelos discursos inflamados de toda esquerda que usa esse expediente de “divisão de classes” como combustível eleitoral. Por outro lado, essa bravata alimenta grupos de extrema direita e promove esse tipo de guerra que temos visto. Isso tem que parar. O final não será feliz.

Como acaba?

Através da lei. Quem cometeu crime, seja quem for, que seja preso. A população deve apoiar a justiça e a aplicação da lei, repudiando toda e qualquer tentativa de desqualificar a justiça.
Esse é o único caminho para tudo isso acabar.

Comentários

comentários