Respeito é bom e liberdade nem se fala

Sou completamente contra o desrespeito praticado por torcedores presentes no estádio durante a abertura da Copa, contra a Presidente da República, hostilizada por xingamentos. Entretanto, sou completamente a favor da manifestação pública e espontânea feita pelos presentes no estádio, materializada em forma de vaias que mais uma vez ela recebeu.

Por que as vaias são justas? Ela é a sucessora de um governo que há 7 anos foi o responsável pela péssima negociação com a Fifa. Um exemplo é a isenção fiscal dada à entidade. A presidente representa o governo que foi responsável por ter decidido, por razões políticas, pela realização do evento em 12 cidades sedes em vez de 8, aumentando os custos e construindo arenas em cidades onde não terão uma utilização que justifique o altíssimo investimento feito pelo governo com dinheiro público.

Seu governo é responsável por não cumprir grande parte das promessas feitas para a melhoria real do transporte urbano, dentre outras obras de infraestrutura. Ela representa o governo que é responsável pela gestão dos recursos públicos e pelos orçamentos que extrapolaram de longe o que estava previsto inicialmente, deixando suspeitas de corrupção.

Ela é chefe de um governo que é responsável por uma parte da organização do evento, que não cumpriu com os cronogramas comprometidos pelo governo. Além disso, ela é a maior autoridade brasileira e líder do governo que é responsável pela imagem negativa pela qual o Brasil já está ficando marcado neste evento, em todo mundo, e que por muito tempo será lembrada.

Como as pessoas no estádio estavam bem esclarecidas e separando bem as coisas, logo após seu manifesto político, ao qual têm pleno direito, voltaram suas atenções para o jogo de futebol, que nada tinha a ver com tudo isso e torceram pela Seleção.

Contrariando o que muitos pensam, eu pessoalmente não acredito que exista má fé desse governo. Mas acredito que, no mínimo, tudo isso foi conduzido dessa forma por pura incompetência, gerando prejuízos financeiros bilionários para o país, ou seja, para todos nós, e prejuízos de imagem incalculáveis no exterior.

Sendo assim, não concordo com os xingamentos, mas, quanto às vaias, transmitidas ao vivo para todo o mundo, foram muito merecidas.

P.S.: Para os que têm mais dificuldade para interpretar um texto, RESPONSÁVEL é diferente de CULPADA. Um líder é sempre o responsável por tudo que acontece em sua gestão, bem como um pai é sempre responsável por um filho menor, da mesma maneira que o Presidente da República merece todos os aplausos para seus acertos e todas as vaias pelos erros de seu governo.

Comentários

comentários